Desenvolvimento Integral

Quem cuida do professor?

Para que possam desenvolver seu trabalho e garantir o aprendizado dos alunos, os docentes precisam se conhecer, entender seus limites e compartilhar seus desafios

A saúde mental é um tema que ganha cada dia mais importância nos noticiários e nas rodas de conversa. Assuntos como depressão e ansiedade estão deixando de ser tabus e a sociedade tem se mostrado disposta a debater e se mobilizar, como no caso da campanha do Setembro Amarelo, que alerta para a prevenção do suicídio, e o dia 10 de outubro, que marca o Dia Mundial da Saúde Mental. Fatores como a rotina acelerada ou o isolamento pelo uso excessivo de tecnologia já estão impactando as gerações mais novas e reforçam a importância do diálogo, seja em casa, no trabalho ou na escola. Nessa última, temos o professor como o responsável por promover essas discussões e alertar pais e profissionais sobre o comportamento dos alunos, mas que também pode fazer parte da população que está precisando de ajuda.

            A docência também pode ser uma profissão estressante. Isso porque, no cotidiano, os professores se deparam com situações como o ritmo de trabalho, que na maioria das vezes é em mais de uma escola, e turmas cujas demandas podem ser as mais variadas possíveis. A violência é outro ponto alarmante: dados do Saeb 2017 mostram que cerca de 50% dos professores foram vítimas de agressão verbal ou física de alunos. Como, então, ele consegue desempenhar seu papel da forma correta? Quem está olhando e cuidando desse profissional? Uma pesquisa da Associação Nova Escola de 2018, que ouviu cinco mil professores, revela que 66% já precisaram se afastar do trabalho por problemas de saúde. Quase 90% deles também afirmaram que o trabalho agravou ou ocasionou essa condição.

Nós do Instituto Península acreditamos que o docente é o principal agente de transformação do País, mas, mesmo diante de tais responsabilidades, ele, geralmente, não conta com uma rede de apoio sólida em seu local de trabalho. E, sem esse apoio, ele não consegue se sentir apto a desenvolver seus estudantes sem ter que assumir atribuições que cabem a profissionais da área da saúde, como psicólogos ou terapeutas, e que não estão previstas nem no escopo nem na formação docente. Em nossa pesquisa Observatório do Professor, essas questões ficaram explícitas quando eles levantaram pontos de suas rotinas como a solidão, a falta de diálogo entre os colegas e o choque entre a sua realidade e a dos alunos. Esses pontos deixam claros que o professor também precisa de apoio (seja dos pares dentro da escola, seja de gestores, seja de outros profissionais que possam acompanhar os próprios professores e seus alunos em situações em que o docente não consegue lidar sozinho). E, para que possam atingir seus objetivos como educadores e garantir a aprendizagem de crianças e jovens, o professor precisa se conhecer e entender o que está ao seu alcance e saber em quais momentos ou para quem pedir ajuda.

            Pensando também em um espaço para que esses professores consigam identificar seus próprios limites, quebrar paradigmas e entender melhor os desafios da sala de aula, criamos, em conjunto com docentes de todo o País, a Vivescer, uma plataforma online gratuita que oferece jornadas de conhecimento relacionadas às  quatro grandes dimensões dos seres humanos: corpo, mente, emoções e propósito. A Vivescer também conta com uma comunidade virtual para troca de experiências e ideias em uma rede com quem mais entende como é o dia a dia na escola.

Trabalhar o autoconhecimento e o diálogo é essencial para que os docentes consigam alcançar seus alunos e ajudá-los em seus desafios. Por isso, o Instituto Península convida todos os docentes a se juntarem a nós nessa rede para que o exercício da profissão possa ser dividido e compreendido de forma saudável. Participe conosco! 

Posts relacionados

Retratos da Carreira Docente: a nova pesquisa do IP

Erros e acertos da profissão no currículo de formação de docentes nos EUA

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support